segunda-feira, 11 de agosto de 2008

Quem parte e reparte...


...e não fica com a melhor parte, ou é burro ou não tem arte.


Com um agregado familiar de número ímpar, a parte de repartir é complicada.


Quando se descascam os ovos, há 3 crianças, 6 mãos e 5 ovos: como é que se reparte?


Recorre-se à maternocracia, em que cada menino descasca um ovo e a mãe descasca dois...que é por causa das coisas...(solução mais pacífica)


Mas as crianças, quando são crescidas, chegam à conclusão que preferem descascar um ovo e meio do que descascar só um: 3 crianças, 3 ovos inteiros, mais 3 meios.


Enquanto dividem os meios, imaginam uma linha divisória, e fiscalizam se um não descasca o meio do outro.


E o outro meio, para quem fica?


Para o mais pequeno dos três, que é birrento até à décima geração e que se apossou do direito de limpar o outro meio.


Resolução do problema:


5 ovos= 1 ovo e meio + 1 ovo e meio + 1 ovo e meio + meio para quem grita mais alto

E no fim do jantar, sobra um ovo na travessa.

6 comentários:

Meninheira disse...

Gosto moito como contas as coisas. :)

Saudinhos desde esta outra beira do Minho.

Mónica disse...

maternocracia! Como te entendo!
:)))
Bj

Tereclopes disse...

E ficou tudo muito bem resolvido...
Quando eles são de birras!... meu Deus é preciso uma paciência...
Beijinhos

De Berê disse...

Isabel,
vim te visitar depois de encontrar teu link em um blog que visito muito Novelos e Agulhas...amei sua casa,sua vida,sua familia tuuudo de bom!!amei seus trabalhos.Vou linkar teu blog nos meus favoritos pra não te perder de vista e assim poder te visitar sempre.Um grande abraço.

Belém disse...

Dava um compêndio de matemática :)

Carla Morais disse...

isso, boa maneira de introduzir o mais pequeno às contas de dividir, com casas decimais e tudo!!