domingo, 6 de julho de 2008

de dormir



...e de rodar...






De chita, feita pela minha mãe para mim, já há mais de muitos anos.

Que a minha irmã vestiu e também rodou.


Ela agora também a veste, roda e dorme.

Com chitas foi também o espectáculo de final de ano do Ginasiano, uma ode à cultura genuinamente portuguesa, concebida e interpretada numa extraordinária harmonia de imagens, sons, danças e cores.

É excelente o trabalho desta escola, que cultiva nos seus alunos o gosto pela arte.




Fui assistir ao último dia da festa e trouxe para casa um pequeno duende de cabelos loiros e olhos azuis, que guardou até ao final o segredo sobre a sua identidade.

- Descobriste quem era eu, mãe?



(Como se eu a pudesse confundir...)

4 comentários:

Belém disse...

Que bom é vê-los rodar como já rodámos nós!

Pietra disse...

Qual a menina que nunca rodou assim?!
Como eu gostava... mas o tempo não volta atrás!
bjs

Joana disse...

Xííí, o Ginasiano! Também passei por lá já há mais de muitos anos.

Mónica disse...

Uma das meninas cá de casa tb adora camisas de dormir (e não só) assim, diz que são de princesas e adora rodá-las pela casa fora. Adivinhas quem é?!
Bj